No Mercado Livre de Energia, ou Ambiente de Contratação Livre, a cada ano, entre os meses de outubro e novembro, inicia-se o período de sazonalização dos contratos de energia.

Essa ferramenta permite aos consumidores distribuir o volume de energia anual contratado nos meses do ano seguinte, de acordo com a previsão de consumo. Esse recurso permite a alocação de mais energia nos meses de maior consumo e, por outro lado, possa alocar menos energia nos meses de menor consumo, de forma que o volume total anual não seja alterado.

Essa condição, que normalmente varia entre 10% e 15%, depende de cada contrato e é negociada entre o consumidor e o fornecedor de energia no momento da contratação.

A distribuição dessa energia dependerá da estratégia de negócios de cada empresa no mercado livre de energia,  que pode optar por apostar em uma condição futura de mercado, assumindo o risco frente ao PLD – Preço da Liquidação das Diferenças, ou, conforme o seu perfil de consumo, adequar essa distribuição de forma que não ocorra sobra ou déficit de energia no decorrer do ano e que a empresa não fique exposta no mercado de curto prazo, protegendo-se das oscilações do PLD e, proporcionando dessa forma, uma melhor previsibilidade orçamentária para o negócio.

Como sua empresa pode se beneficiar dessa importante ferramenta? Qual a melhor estratégia?

A área de Gestão de Consumidores da Ecom Energia conta com especialistas que, além de saber tudo sobre energia, também entendem profundamente sobre os negócios dos nossos clientes. Entendendo as características, necessidades e os objetivos de cada empresa, desenhamos, então, a melhor estratégia para cada negócio no mercado livre de energia.E sua empresa? Já desenhou a estratégia de sazonalição para o próximo ano? Fale com os nossos especialistas. Vamos juntos além do economizar.