A Associação Brasileira dos Grandes Consumidores de Energia (ABRACE) desenvolveu recentemente a campanha “O Peso da Luz” para explicar, em linguagem simples, o impacto dos subsídios sobre o custo da energia elétrica no Brasil.

É importante dizer que as taxas no custo da energia não são novidade. Quase metade da conta corresponde a impostos, encargos, contribuições e outros tantos que, com o tempo, tornaram-se extremamente caros e impeditivos para o crescimento da indústria nacional.

Além disso, passamos por uma nova fase da globalização onde a concorrência dos mercados internacionais tem impacto direto no desempenho da indústria brasileira. Com os preços de energia elétrica e gás natural acima do mercado estrangeiro, nossa indústria perdeu competitividade nos últimos anos, comprometendo o crescimento de nosso país.

Conseguimos avaliar de forma transparente essa situação na Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), que é um fundo setorial que tem como objetivo custear diversas políticas públicas do setor elétrico brasileiro, tais como:

  • Universalização do serviço de energia elétrica em todo o território nacional;
  • Concessão de descontos tarifários a diversos usuários do serviço (baixa renda, rural; serviço público de água, esgoto e saneamento; geração e consumo de energia de fonte incentivadas, etc.);
  • Modicidade da tarifa em sistemas elétricos isolados (CCC);
  • Competitividade da geração a partir do carvão mineral nacional; entre outros.

O consumidor paga essa CDE na conta de luz e ainda paga de novo em tudo aquilo que compra e que usa. Em relação aos valores de 2019, houve aumento de 24% na previsão do custo das quotas anuais da CDE – USO para 2020, um impacto significativo no orçamento de energia elétrica das grandes indústrias.

Uma iniciativa que auxilia o consumidor na estratégia de contratação de energia

A ação “O Peso da Luz” vem em um bom momento. Com essa extraordinária iniciativa da ABRACE, os consumidores poderão recomendar ações para entidades do setor buscando o fim dos subsídios que tanto encarecem o preço final da energia. Iniciativas como o monitoramento da CDE são válidas e nós da Ecom temos acompanhado o tema de forma estratégica com nossos clientes.

No papel de uma das principais comercializadoras de energia do nosso país, a Ecom Energia tem como premissa entregar inteligência de mercado aos nossos consumidores parceiros. Buscamos atuar além do preço de energia SPOT auxiliando na estratégia de contratação e buscando rentabilizar o portfólio energético da sua empresa.

Entre em contato com os nossos especialistas ou solicite para que sua gestora nos consulte. Temos agilidade e ofertas competitivas para atendê-los em operações estruturadas de curto, médio e longo prazo.