Cada vez mais, as empresas têm colocado o tema da sustentabilidade em pauta. Na última década, tornou-se comum as organizações assumirem compromissos com a sustentabilidade de forma pública, desde o pequeno empresário até as grandes empresas multinacionais.

Certamente, não é possível falar de sustentabilidade sem falar de energia renovável, sendo esse um dos principais pilares, senão o principal, para uma empresa atingir o status de “sustentável”. A importância da energia na sustentabilidade faz com que programas como o RE100, onde mais de 180 empresas assumiram publicamente o compromisso de terem 100% de energia renovável, tornem-se ainda mais relevantes. No caso do RE100, as empresas associadas buscam alcançar 100% de energia renovável no máximo até 2050.

Sabemos que é desafiador buscar soluções energéticas sustentáveis, contudo cada vez mais essas opções estão mais estruturadas e acessíveis, mantendo intacta, quando não aumentando, a competitividade da empresa que busca contribuir para a sociedade e o meio ambiente.

Portanto, a ideia desse artigo é apresentar, de maneira sucinta, formas disponíveis para acessar energia renovável hoje. Sendo que, alguns meios para isso são: contratação de energia incentivada; projetos de PPA, geração distribuída, selo verde e certificado de energia renovável.

Energia Incentivada

Inegavelmente, a energia incentivada é, dentre todas as formas, a mais rápida. Ela pode ser proveniente de geração eólica, solar, biomassa, biogás ou pequenas centrais hidrelétricas. A contratação de energia incentivada pode ser feita no ambiente de contratação livre por qualquer consumidor que opere nesse mercado. Por outro lado, caso o consumidor não esteja no mercado livre e tenha os pré-requisitos para operar nesse mercado, poderá consumir energia renovável em um período de 180 a 365 dias após o momento em que se decide migrar para o mercado livre de energia elétrica. Se o consumidor opera no mercado livre, mas não possui contrato de energia incentivada, é possível fazer um swap para obter energia renovável já a partir do mês corrente.

Contratação através de PPA (Power Purchase Agreement)

O PPA é uma sigla utilizada para contratos de compra e venda de energia elétrica de longo prazo, no qual o gerador vende energia diretamente para o consumidor. Geralmente o próprio contrato firmado é utilizado como instrumento fundamental com o intuito de financiar a construção do ativo de geração. Nessa modalidade, o ativo de geração é projetado para atender as necessidades por energia renovável dos compradores, tendo um preço de energia pré-definido entre as partes. Destaque especial para a presença da geração eólica e solar nessa modalidade de contratos.

Geração Distribuída

Excelente opção principalmente para aqueles consumidores conectados à rede elétrica em baixa tensão, sendo que a geração distribuída pode ser on site ou off site. Assim, nessa modalidade, a maior parte dos projetos utilizam a energia solar. No entanto, existem também projetos de geração distribuída utilizando fonte hidráulica, térmica e em menor frequência eólica. Essa opção já foi tratada algumas vezes em nosso blog e pode ser acessada aqui e aqui.

Selo Verde

O Selo Verde pode ser obtido pelos consumidores que contratam energia incentivada proveniente de biomassa. Esse Selo foi uma iniciativa da UNICA em conjunto com a ABRACEEL (Associação Brasileira dos Comercializadoras de Energia Elétrica) e CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica). Portanto, o consumidor que obtém esse selo pode utilizar a logomarca perante seus clientes e parceiros. Tratamos recentemente sobre o Selo Verde aqui.

Certificação de Energia Renovável

As plataformas de certificação de energia renovável são sistemas que possibilitam que a energia física transacionada na rede de transmissão e distribuição seja rastreada, conectando virtualmente a energia renovável gerada por um vendedor de certificação à energia consumida pelo comprador da certificação. Assim sendo, a vantagem da certificação é seu custo além de ser possível obtê-la de forma retroativa. Ademais, esse tipo de certificação é aceito mundialmente.

Em conclusão, caso queira saber mais sobre cada uma das estratégias acima ou entender como a Ecom Energia pode ajudar a sua empresa, fale com um dos nossos especialistas!